Pesquisar Assuntos Neste Blog

12 de jul de 2011

HOMOSSEXUALIDADE E REENCARNAÇÃO NR 01




HOMOSSEXUALIDADE E REENCARNAÇÃO

Walter Barcelos


Questão [001]
Qual o ponto de vista da Espiritualidade quanto a este tema?

Resposta: O Espiritismo – a terceira revelação de Deus aos homens, veio desvendar e explicar,  alicerçado na razão esclarecida, na lógica universal e no bom senso, os mistérios da vida,  o espírito imortal, a lei da reencarnação, o progresso moral e espiritual incessante, a lei de justiça e caridade, a lei de causa e efeito, o amor universal, os fenômenos psíquicos e a mediunidade, interpretar com beleza e profundidade moral os consoladores ensinamentos de Jesus. Antes de procurar entender a temática da homossexualidade no ser humano, necessita-se estudar e compreender na sua essência o que seja sexualidade à luz do Espiritismo. O sexo acompanha o espírito a partir de sua origem na vida universal. A condição de macho ou fêmea, de homem ou de mulher são definidos pelos corpos biológicos que a Divina Providência oferece sempre ao princípio inteligente e a espíritos inteligentes, em  sua trajetória evolutiva, através dos processos reencarnatórios nos milênios incontáveis. Expressa grande verdade espiritual o espírito André Luiz: “E o instinto sexual, por isso mesmo, traduzindo amor em expansão no tempo, vem das profundezas, por nós ainda inabordáveis, da vida, quando agrupamentos de mônadas celestes se reuniram magneticamente umas às outras para a obra multimilenária da evolução, ao modo de núcleos e eletrões na tessitura dos átomos ou dos sóis e dos mundos, nos sistemas macrocósmicos da Imensidade”. André Luiz  (Evolução em Dois Mundos, André Luiz/ Francisco Cândido Xavier – Waldo Vieira, cap. XVIII, pg. 141, Editora FEB)  O mesmo autor em outra obra esclarece com profundidade: “O sexo, portanto, como qualidade positiva ou passiva dos princípios e dos seres, é manifestação cósmica em todos os círculos evolutivos, até que venhamos a atingir o campo da Harmonia Perfeita, onde essas qualidades se equilibram no seio da Divindade”. André Luiz (Missionários da Luz, André Luiz/ Francisco Cândido Xavier, cap. XIII, pg. 203, Editora FEB.) Não estagiamos na vida corpórea só para sofrer provações e expiações, frustrações e fracassos, lutas e trabalho. Acima de tudo, estamos aqui para  viver e aprender experiências visando ao nosso progresso moral e espiritual, rumo à perfeição e à conquista da felicidade gloriosa.                  

Questão [002]
 O que a homossexualidade tem a ver com a reencarnação? - Já ouvi alguém dizer e até em livros que a homossexualidade jamais foi uma doença. O que é então?

Resposta: Têm tudo a ver. Sem a lei da reencarnação, não poderia existir a  problemática da homossexualidade. Não se pode analisar nenhuma criatura humana na sua identidade espiritual, sem acreditarmos nas experiências e aprendizagem que todo e qualquer espírito já realizou em sua trajetória reencarnatória, através de incontáveis séculos. Nosso espírito, nossa inteligência, nossa estrutura psicológica, nossa vida mental, nosso inconsciente complexo são a soma de toda a anterioridade das experiências reencarnatórias. O que somos está totalmente alojado em nosso inconsciente, que é o resultado natural de nosso livre arbítrio, escolhas, opções, desejos, emoções, ações e obras em vidas pretéritas. Toda a conjuntura complexa de nossa sexualidade psíquica, emocional e psicológica está registrada de forma viva e indelével na câmara escura da mente – a subconsciência. Cada criatura humana somente experimentará na vida íntima o que já desejou e viveu, acertou e errou, agiu e conquistou por dentro de si mesmo. Somos produtos de nós mesmos. Deus não fez a nossa personalidade integral e complexa – como a apresentamos nos dias de hoje. Nós é que nos fizemos assim,  usando o próprio livre arbítrio de agir para o Bem ou para o Mal. Na verdade, cada criatura humana vive e viverá em plenitude de seu psiquismo  tudo que experienciou e registrou, agiu e aprendeu, arquivou e conquistou nos escaninhos misteriosos do inconsciente profundo, muito especialmente as manifestações afetivas, emocionais, psicológicas e psíquicas da sexualidade. Todo espírito, no processo da reencarnação, ganhará sempre um novo  corpo: masculino ou feminino; contudo seus recursos psíquicos, intelectuais, afetivos, emocionais são muito antigos, permanecem guardados no disco divino da mente e  fazem parte de sua personalidade integral. Nosso espírito já passou por milhares de encarnações, em muitos milênios, ora envergando corpo feminino, ora tomando corpo masculino. A mente, seguindo o processo evolutivo, registra e  acumula tanto valores psíquicos masculinos quanto valores psíquicos femininos. Quase toda criatura humana possui em seu inconsciente a bissexualidade psíquica, devido, ter adquirido valiosas experiências, executando as funções de  homem ou de mulher. Nossa mente, com os séculos, foi formando a bipolaridade sexual, com carga de energias psíquicossexuais masculinas e femininas bem diferenciadas em sua tonalidade em cada espírito. O homossexual não é mais considerado doente pela Medicina, contudo o espírito reencarnado traz graves problemas de consciência culpada, remorso, desajuste emocional e viciação sexual,  exigindo reeducação dos maus hábitos, corrigenda dos defeitos morais e aprimoramento dos sentimentos. O que está doente na alma humana de homossexuais e heterossexuais é o mau comportamento moral no relacionamento sexual com homens e mulheres  em séculos e séculos de paixões e violências, excessos e enganos, criminalida-de e viciação. A esmagadora maioria das criaturas humanas está espiritualmente doente. Jesus é o Divino Médico das almas, convidando-nos para a cura definitiva da consciência e do coração espiritual.  A evolução espiritual é lei para todos os espíritos, embora a maioria deles não saiba, não acredite, não interesse por acreditar, mas ela vigora para todos indistintamente.        Apresentaremos, para a análise, meditação e reflexão dos amigos interessados no estudo sério,  deste palpitante tema, algumas afirmações bastante importantes, formula-dos pelos espíritos iluminados Emmanuel e André Luiz, por via da extraordinária mediu-nidade de Francisco Cândido Xavier:1 – “Subsistirá, no entanto, qualquer estranheza nisso, quando não ignoramos que  toda a estrutura psicológica, em que se nos erguem os destinos, foi manipulada com os ingredientes do sexo, através de milhares de reencarnações?” Emmanuel (Vida e Sexo, F. Cândido Xavier, lição 14, pg. 53-54 – “Vinculações”, FEB)  2 – “A sede do sexo não se acha no corpo grosseiro, mas na alma, em sua sublime organização.” André Luiz   (No Mundo Maior, F. Cândido Xavier, cap. 11, pg. 147 – “Sexo”, FEB)3 – “A sede real do sexo não se acha, dessa maneira, no veículo físico, mas sim na entidade espiritual, em sua estrutura complexa.” André Luiz   (Evolução em Dois Mundos, Francisco Cândido Xavier – Waldo Vieira, cap. XVIII, pg. 141 “Sexo e corpo espiritual”, FEB) 4 – “(...) o sexo reside na mente, a expressar-se no corpo espiritual, e conseqüentemente no corpo físico, por santuário criativo de nosso amor perante a vida e, em razão disso, ninguém escarnecerá dele, desarmonizando-lhe as forças sem escarnecer e desarmonizar a si mesmo.” André Luiz   (Evolução em Dois Mundos, F. Cândido Xavier – Waldo Vieira, cap. XVIII, pg. 146 –  “Sexo e corpo espiritual”,  FEB) 5 – “Sabemos que sexo analisado na essência, é a soma das qualidades femininas ou masculinas que caracterizam a mente, razão por que é imprescindível observá-lo, do ponto de vista espiritual, enquadrando-o nas esferas das concessões divinas que nos cabe movimentar com respeito e rendimento na produção do bem.” André Luiz   (Ação e Reação, Francisco Cândido Xavier, Cap. 15, pg. 201-202 – “Anotações oportunas”,  FEB) 6 – “(...) além da trama de recursos somáticos, a alma guarda a sua individualidade sexual intrínseca, a definir-se na feminilidade ou na masculinidade, conforme os característicos acentuadamente passivos ou claramente ativos que lhe sejam próprios.” André Luiz  (Evolução em Dois Mundos, F. Cândido Xavier, Cap. XVIII,  pg. 141 - “Sexo e corpo espiritual”, FEB) 7 – “O sexo é, portanto, mental em seus impulsos e manifestações, transcendendo quaisquer impositivos da forma em que se exprime, não obstante reconhecermos que a maioria das consciências desencarnadas permanecem seguramente ajustadas a sinergia mente-corpo, em marcha para mais vasta complexidade de conhecimento e emoção.”     André Luiz  (Evolução em Dois Mundos, Francisco Cândido Xavier – Waldo Vieira, Cap. XVIII, pg. 142 – “Sexo e corpo espiritual”, FEB) 8 – “Considerando-se que o sexo, na essência, é a soma das qualidades passivas ou positivas do campo mental do ser, é natural que o espírito acentuadamente feminino se demore séculos e séculos nas linhas evolutivas da mulher e que o espírito marcadamente masculino se detenha por longo tempo nas experiências do homem.” André Luiz  (Ação e Reação, Francisco Cândido Xavier, Cap. 15, pg. 205 - “Anotações oportunas”, FEB) 9 – “O sexo, pois, não poderia ausentar-se do reino espiritual que nos é conhecido, por ser de substância mental, determinando mentalmente as formas em que se expressa. Representa, desse modo, não uma energia fixa da Natureza, trabalhando a alma, e sim uma energia variável da alma, com que ela trabalha a Natureza em que envolve, aprimorando a si mesma”. André Luiz (Ação e Reação, Francisco Cândido Xavier, cap. XV, pg. 199 – “Anotações oportunas”, Editora FEB)10 – “Apreciemo-la, assim, como sendo uma força do Criador na criatura, destinada a expandir-se em obras de amor e luz que enriqueçam a vida, igualmente condicionada à lei de responsabilidade, que nos rege o destino”. André Luiz Ação e Reação, Francisco Cândido Xavier, cap. XV, pg. 199 – “Anotações oportunas”, Editora FEB)NOTA MUITO IMPORTANTE: Solicitamos aos estimados participantes desta Entrevista Virtual, a necessidade  de ler, estudar, analisar e meditar com atenção e seriedade,  buscando compreender e assimilar as idéias e os diversos ensinamentos, contidos nestas excelentes dissertações dos Sábios Espíritos (nrs. 1 a 8). Se obedecerem a este esquema pedagógico, ficará bem mais fácil participar do debate,  com adquirir o  entendimento necessário da temática homossexualidade à luz do Espiritismo.

 Questão [003]
A homossexualidade pode ser explicada pelo fato de um espírito ter pertencido a um corpo de sexo oposto ao atual?

Resposta: Somente as experiências psíquicas da existência imediatamente anterior (penúltima encarnação) não provocam grandes mudanças na gigantesca estrutura  mental do espírito. As tendências psicossexuais da alma estão vindo de muito longe, de muitas e muitas encarnações, onde usamos nosso livre arbítrio, nossos desejos, nossas escolhas, nossos interesses, nossos sonhos, nossas paixões e nossos amores, muitas vezes  sem nos  preocuparmos com a boa moral, o bom caráter, as boas ações, os bons sentimentos!... A última encarnação é somente pequena fração de recursos psíquicos que vem a ser somada ao departamento da subconsciência – arquivo psíquico onde estão armazenados todos os pensamentos, desejos, sentimentos, emoções,  trabalhos e vivências do espírito encarnado. Não podemos explicar a homossexualidade simplesmente com analisar a conduta do espírito em sua última encarnação. As modificações na mente do espírito de uma encarnação para outra são muito pequenas e imperceptíveis. A influenciação psíquica da última encarnação, no inconsciente do espírito, é semelhante a um dedal de água–doce que acrescentamos no Oceano Pacífico, esperando sejam  modificadas as características básicas do Oceano para água– doce. Impossível tal desiderato!Nossa personalidade integral está sendo trabalhada, experimentada, aprendida e formada, pouco a pouco, nas sucessivas encarnações, nos muitos milênios de história da evolução do homem terrestre.

Questão [004]
A homossexualidade pode ser explicada como um desvio sexual oriundo de outras encarnações ou a fatores materiais que a influenciam? - Na hereditariedade, a genética tem alguma coisa  a ver com a homossexualidade?

Resposta: As ciências psiquiátrica, psicanalítica e psicológica fizeram  a investigação exaustiva e acurada da personalidade com inversão na manifestação sexual. Analisou as tendências, aptidões e comportamentos do indivíduo com a problemática sexual,  visando a chegar às causas da homossexualidade, a fim de reeducá-la, desejando trazer a normalidade à pessoa que enfrenta tal conflito psíquico. A ciência no seu conceito materialista (como é natural),  colocou todas as supostas causas da homossexualidade no presente, fundamentada na herança genética, na influência dos pais e do  ambiente da família e nos antros perniciosos da vida social. Não há hereditariedade psíquica dos pais para os filhos. Se a ciência humana diz que é provável: a homossexualidade seja transmissão hereditária dos genitores, contudo este pronunciamento ainda não foi provado e nem comprovado em laboratório pela ciência oficial. A pertinaz dúvida ainda impera  –  e bastante – no meio das ciências bioneurológicas e também psicanalíticas e psicológicas.                    As causas profundas da homossexualidade  não têm origem no hoje, mas no ontem, nas vidas pretéritas, cuja existência  somente a LEI DA REENCARNA-ÇÃO pode justificar, explicar suas causas e os efeitos e esclarecer a problemática com amor e entendimento, justiça e expiação, educação e evolução espiritual. Cada criatura humana, ao reencarnar, traz enorme repositório de experiências afetivo-emocional-psicológico-psíquica com raízes profundas e extensas na vivência da sexualidade guardadas nos arquivos de reflexos  inapagáveis da mente em cada espírito. A inversão sexual não existe na mente do homossexual, pois esta continua com todos os seus recursos psíquicos – na verdade, encontra-se  na inadaptação do espírito rebelde às funções do seu atual corpo físico. As experiências sexuais da vida atual  – que têm começo na infância –, o que pode acontecer  não é criar a homossexualidade na personalidade da criança ou do jovem,  mas estimular e provocar  a exposição de seus impulsos afetivo-sexuais. As predisposições afetivo-sexuais já nascem com a criança, pois o espírito reencarnado traz suas  características psíquicas masculinas ou características psíquicas femininas, recebendo, pelo fenômeno da reencarnação, um corpo diferente de suas marcantes tendências psicossexuais. Quanto mais o espírito do homossexual  foi em vidas passadas responsável por erros calamitosos do desejo sexual, ambições do amor possessivo, falsidade de sentimentos, paixões voluptuosas, traições afetivas, ciúmes tormentosos, calúnias desorientadoras, crimes passionais, viciações sexuais, adultérios tormentosos, prostituição alienante e outros desatinos do coração humano, experimentará bem mais sofrimentos morais, desequilíbrios psíquicos, desorientação de tendências, insatisfação íntima,  indecisão na realização de identidade na masculinidade ou feminilidade, infinita solidão afetiva, repulsão e rebeldia  contrárias às funções sexuais de seu corpo, a enorme frustração de não ser no seu corpo nem mulher, para ser mãe,  e nem homem, para fecundar uma mulher.      A homossexualidade é uma expiação muito dolorosa para o espírito que a experimenta, pois ele não poderá se realizar no sentido da união conjugal heterossexual, em virtude de seu corpo físico atual não corresponder às suas tendências e sentimentos na FEMINILIDADE ou na MASCULINIDADE.  Na atualidade, se tais casos se contam aos milhões, porque são dos problemas cármicos (LEI DE CAUSA E EFEITO, LEI DO DESTINO) mais comuns a serem solucionados em cada espírito pela lei do progresso moral e aperfeiçoamento espiritual. Os erros sexuais são os mais comuns em cada espírito. Esta situação dolorosa dos homossexuais (dor moral) não pode ser motivo de admiração, desapontamento, estranheza, condenação ou desprezo por parte dos heterossexuais, porque todos os espíritos da Terra já tiveram suas experiências sexuais, reencarnando ora em corpo de homem, ora em corpo de mulher. Embora as características psíquicas e psicológicas femininas ou masculinas surjam em maior volume no inconsciente,  caracterizando-nos como acentuadamente masculinos ou marcadamente femininos (percentagem de cargas psíquicas), todos nós carregamos também, em menores proporções, em nossa ESTRUTURA MENTAL os traços psíquicos do outro sexo, que surgirão nas manifestações de nossa personalidade, muitas vezes imperceptíveis para as pessoas de pouco conhecimento e percepção desse  assunto tão complexo e que merece o maior respeito de todos nós. Grande parte dos heterossexuais (chamados de normais)  são bissexuais nas suas predisposições psíquicas da afetividade (do insconsciente)  de masculinidade e feminilidade. Deste modo, ninguém pode dizer-se HOMEM COMPLETO ou MULHER IN-TEGRAL, no sentido emocional, psicológico e psíquico. SOMOS HOMENS E MU-LHERES COMPLETOS SOMENTE NO CORPO FÍSICO. No campo do espírito, somos sempre o resultado do acumular das características masculinas e femininas guardadas na MENTE, embora uma delas esteja em maior grau em nossa estrutura psíquica. Ninguém pode considerar-se então com NORMALIDADE ABSOLUTA NO CAMPO EMOCIO-NAL-PSICOLÓGICO-PSÍQUICO dizendo: “Eu sou totalmente homem” ou “Eu sou totalmente mulher”, porque sempre surgirão no seu mundo mental as características psíquicas do outro sexo, adquiridas nas encarnações sucessivas através dos milênios. Somente a LEI DA REENCARNAÇÃO tem todos os parâmetros para explicar os sintomas psicológicos e psíquicos da homossexualidade no homem e na mulher. Cada espírito sempre herda de si mesmo. A homossexualidade é problema íntimo da alma, que somente ela resolverá no tribunal da própria consciência, usando seu livre arbítrio, razão esclarecida e sentimento evangelizado, disciplina emotiva e educação moral, utilizando as  energias  da vontade sincera, decisão resoluta, determinação planejada, fé superior, coragem moral, esperança em Deus. Qualquer problema íntimo da alma redunda logicamente da sua má conduta e más experiências vivenciadas em existências passadas. Vamos registrar,  para nossos irmãos analisarem diretamente nas fontes (a palavra dos Espíritos),  as três situações reencarnacionistas com ação da Justiça Divina  em que ocorrem a homossexualidade no ser humano: PRIMEIRO FATO PSÍQUICO HOMOSSEXUAL: Espírito com a estrutura mental acentuadamente feminina reencarna em processo de expiação (mandado da Justiça Divina, ação compulsória), em corpo de homem. O espírito André Luiz assim explica o fracasso do espírito feminino: “(...) a mulher criminosa que, depois de arrastar o homem à devassidão e à delinqüência, cria para si mesma terrível alienação mental para além do sepulcro, requisitando, quase sempre, a internação em corpo masculino, a fim de que, nas teias do infortúnio de sua emotividade, saiba edificar no seu ser o respeito que deve ao homem, perante o Senhor”. (Ação e Reação, cap. 15, pg. 205-206 – “Anotações oportunas”,  Edição FEB)SEGUNDO FATO PSÍQUICO HOMOSSEXUAL: Espírito com a estrutura mental  marcadamente masculina em processo de expiação reencarna em corpo de mulher (mandado da Justiça Divina, ação compulsória). O espírito André Luiz continua explicando os grandes sofrimentos do espírito masculino: “(...) em muitas ocasiões, quando o homem tiraniza a mulher, furtando-lhes os direitos e cometendo abusos, em nome de sua pretensa superioridade, desorganiza-se ele próprio a  tal ponto, que inconsciente e desequilibrado, é conduzido pelos agentes da Lei Divina a renascimento doloroso, em corpo feminino, para que, no extremo desconforto íntimo, aprenda a venerar na mulher sua irmã e companheira, filha e mãe, diante de Deus (...)”. (Ação e Reação, André Luiz, cap. 15, pg. 205 – “Anotações oportunas”,  Edição FEB)TERCEIRO FATO PSÍQUICO HOMOSSEXUAL: Espíritos de sentimentos nobres e muito cultos, com a estrutura mental marcadamente masculina ou acentuadamente feminina, reencarnam em corpos diferentes de sua organização psicológico-sexual, para realização de trabalhos especializados na área do desenvolvimento moral, educacional, intelectual, artístico e espiritual, executando com maior segurança e colaborando com eficiência  para o   progresso da Humanidade.O espírito André Luiz elucida com clareza: “Nessa definição, porém, não incluímos os grandes corações e os belos caracteres que, em muitas circunstâncias, reencarnam em corpos que lhes não correspondem aos mais recônditos sentimentos, posição solicitada por eles próprios, no intuito de operarem com mais segurança e valor não só o acrisolamento moral de si mesmos, como também a execução de tarefas especializadas, através de estágios perigosos de solidão, em favor do campo social terrestre que se lhes vale da renúncia construtiva para acelerar o passo no entendimento da vida e no progresso espiritual”. (Ação e Reação, Francisco Cândido Xavier, cap. 15, pg. 206 – “Anotações oportunas”, Edição FEB)

Questão [005]
 Qual é o sentimento que domina uma pessoa homossexual que a leva a incorporar uma figura feminina ou masculina, quando está encarnado?- A pessoa "nasce" homossexual ou "torna-se" homossexual, dependendo de determinadas situações da vida?- Por que uma pessoa, desde pequena, já apresenta tendência para a homossexualidade e outras se tornam depois de adultas?- A homossexualidade é programada antes da reencarnação do espírito? São almas afins que se encontram e não conseguem cumprir o programado de serem apenas amigos?

Resposta: A homossexualidade não é uma opção que a pessoa assume por livre e inteira vontade na sua vida presente. A tendência para a homossexualidade já está embutida na mente do espírito, muito antes do fenômeno da formação do corpo físico. Como se comportaria alguém que desejasse ser homossexual, se a sua estrutura psíquica do inconsciente não carregasse  forte conteúdo afetivo-psicológico-psíquico do outro sexo para alimentar e sugestionar e manter a sua vontade,  seus desejos e seus sonhos? Se o espírito não trouxer de outras vidas passadas  um  avantajado reservatório de energia psíquicossexual diferente do corpo que estagia na vida atual, será impossível ser homossexual apenas pelo desejo de ser diferente das determinações biológicas de seu corpo físico. Os desejos devem estar calcados em alguma base psíquica. Faltaria o combustível mais importante da personalidade – as energias psíquicos sexuais do espírito –, que dá e mantém a força, o vigor e o impulso às suas tendências, hábitos e costumes da sensibilidade feminina ou da virilidade masculina. Os desejos sexuais e anseios afetivos emergem de imenso reservatório de energias psíquicos sexuais criadas através das vivências passadas, nos séculos e séculos de encarnações sucessivas.  A estrutura psicossexual em cada espírito é mais  poderosa, mais dominante, mais determinante do que a própria vontade, ainda frágil das criaturas humanas, muito especialmente no período da infância, adolescência e juventude, quando as tendências homossexuais começam a surgir, pouco a pouco, de dentro para fora. Vão surgindo poderosamente as energias psicossexuais poderosas oriundas de  muitas vivências pretéritas: forte personalidade psicológica sexual, desejo do instinto sexual, sonhos de ser pessoa feminina embora em corpo de homem, pensamento de ser indivíduo masculino embora em corpo de mulher, a busca de afetividade com o mesmo biofísicos sexual. As predisposições psíquicas homossexuais – desejo, atração, prazer, fantasias –    mais cedo ou mais tarde acontecem, porque o espírito encarnado, enfraquecido em sua resistência moral e mesmo ignorando-as, não suporta mais ficar fechado, abafado e trancado em suas emoções, sentimentos e afetos. E parte em busca de companhia/afinidade sexual para sair de suas intermináveis horas de silêncio, solidão e abafamento afetivo.   A sexualidade psíquica no inconsciente do ser é bem mais importante em nossa personalidade do que toda a organização bioquímico neurofisiológica do sexo. O sexo biológico e fisiológico é transitório, é destruído com as doenças e a morte do corpo; ao passo que o sexo psíquico (feminilidade, masculinidade e afetividade) é imorredouro, continua intacto no espírito, na vida após a morte.

Questão [006]
O homossexual de hoje será novamente homossexual na próxima encarnação? 

Resposta: Os problemas graves, complexos e conscienciais do espírito imortal  não serão resolvidos em uma única encarnação. Os desajustes, desequilíbrios e torturas do sexo são gravames morais que estamos acumulando, há séculos, em nossa contabilidade particular. Em nossa vida, necessitamos muito de Jesus – o divino médico da almas –   de seu Evangelho de redenção e das explicações sensatas e orientações seguras do Espiritismo para iniciarmos a luta íntima para curar as chagas e cicatrizes da alma, a fim de buscarmos a educação moral, aperfeiçoamento dos sentimentos e reequilíbrio da vida mental. O homossexual de hoje poderá ser homossexual na vida após a morte e também na próxima encarnação, se ainda não resolveu os problemas da consciência, os débitos dos erros cometidos na afetividade mal dirigida com a Justiça Divina, a educação dos sentimentos, a disciplina do instinto sexual e  a espiritualização do amor sexual. Cada espírito é livre para fazer o que quiser de sua vida corpórea, afetiva, sexual, psicológica e psíquica. Todo e qualquer indivíduo homossexual tem o pleno direito e a liberdade sagrada de viver seus desejos e sonhos da sexualidade como lhe aprouver, com quem quiser; contudo, se, interessar por VIVER EM ESPÍRITO E VERDADE, atendendo aos estatutos da lei de evolução ensinada pelo Cristo de Deus, deverá e precisará com urgência educar a si mesmo nas reentrâncias da mente e do coração. Jesus – o divino médico das almas – nos dá o roteiro de reeducação pessoal e nos fortalece com a fé e a coragem para vencermos a nós mesmos, conquistando de forma segura e gradativa  a felicidade íntima.  Há uma grande verdade na vida de todos seres humanos: não fomos criados por Deus sem nenhuma finalidade. Nosso destino futuro será alcançarmos a perfeição suprema por nossos próprios méritos. A Justiça de Deus nos acompanha e orienta os nossos destinos para o progresso espiritual incessante, cobrará a quitação de todos os nossos deslizes, erros e faltas,  a partir de nossa mais simples ação, pensamento ou atitude que cometamos em desacordo com as leis divinas.

0 comentários:

Postar um comentário

VOTE AQUI

Doutrina Espírita para Principiantes

Loading...
Loading...

Postagens Populares

Isto não é Espiritismo - Frases, Fotos e Luzes

Minha lista de blogs

POST POR ASSUNTOS

a (1) ABORTO (9) ADULTÉRIO (1) ALCOOLISMO (1) Allan Kardec (11) ALMA (2) ANENCEFALIA (5) ANIMAIS (4) ANIMISMO (5) ANJOS (2) ANOREXIA (1) ANSIEDADE (1) APARIÇÕES (4) Artigo (524) AS DORES DA ALMA (12) AS DORES DA ALMA;ORGULHO (1) ÁUDIO E VIDEO (2) BIOGRAFIA (12) BULLYING (2) CALUNIA (4) CÂNCER (1) CARÊNCIA (1) CARIDADE (14) CARNAVAL (4) CASAMENTO (6) CASOS (5) CATARINA DE SIENA (1) CENTRO ESPIRITA (3) CHACRA (1) CHICO XAVIER (243) CIRURGIAS ESPIRITUAIS (6) CIUMES (2) CLONAGEM (1) CONVIVER E MELHORAR (7) CREMAÇÃO (1) CRIANÇA INDIGOS (8) CRIANÇAS (8) CULPA (1) DEPRESSÃO (16) DIALOGO COM AS SOMBRAS (28) DIVALDO FRANCO (145) DIVORCIO (2) DOAÇÃO DE ORGÃOS (1) DOENÇAS (8) DORA INCONTRI (12) DOWNLOAD (5) DUENDES (1) EMMANUEL (67) ENTREVISTA (25) EQM (4) ESPIRITISMO (5) ESPIRITO (26) EUTANÁSIA (4) EVENTO (121) EXILADOS DE CAPELA (2) FAMILIA (26) FANATISMO (3) (2) FEIRA DO LIVRO ESPIRITA (11) FELICIDADE (5) FILHO ADOTIVO (6) FILHOS (22) FILME (36) FINADOS (4) FLUIDO (2) FOTOS (17) GUERRA (2) HOMOSSEXUALIDADE (20) HUMOR (4) INVEJA (2) Joana de Ângelis (100) JORGE HESSEN (24) JORGE HESSEN art (3) LIVRE ARBITRIO (4) LIVRO (57) LIVRO DOS ESPIRITOS (2) LUTO (2) MÃE (3) MÁGOA (5) MALEDICÊNCIA (2) MARILYN MONROE (1) MEDIUM (67) MEDIUNIDADE (83) MELANCOLIA (1) MELINDRE (4) MENSAGEM (375) MESA GIRANTE (2) MÔNICA DE CASTRO (8) MORTE (60) MOURA FÉ (63) MUSICA (6) NILZA AZEVEDO (10) NOTICIAS (236) OBSESSÂO (20) ORGULHO (3) PASCOA (2) PÁSCOA (3) PASSE (9) PEDOFILIA (2) PERDÃO (15) PERISPIRITO (6) PERSONAGEM DA BOA NOVA (6) PINTURA MEDIUNICA (4) POESIA (10) PRECONCEITO (22) PROVAS (13) PSICOGRAFIA (4) QUALIDADE NA PRATICA MEDIUNICA (10) RECOMEÇAR (2) REENCARNAÇÃO (37) REFLEXÃO (104) RELACIONAMENTO (35) RELIGIÃO (1) RENOVANDO ATITUDES (31) S (1) SEMESPI (17) SEXO (14) Síndrome de Down (1) Síndrome do Pânico (1) SOLIDÃO (2) SONAMBULISMO (4) SUICIDIO (11) TATUAGEM (1) TOLERANCIA (3) TÓXICOS (5) TRAGÉDIA (5) TRANSTORNO BIPOLAR (1) TRISTEZA (1) VAIDADE (2) VAMPIRISMO (5) VIAGEM ASTRAL / DESDOBRAMENTO (1) VIDEO (28) VINHA DE LUZ (3) VIOLENCIA (2) ZIBIA GASPARETTO (7)

Visitas Recentes