Pesquisar Assuntos Neste Blog

UMA APRENDIZ INEXPERIENTE DE KARDEC

UMA APRENDIZ INEXPERIENTE DE KARDEC




Angustiada com as dores físicas e espirituais como se fossem PINGOS DO CORAÇÃO a brotar incessantemente , UMA APRENDIZ INEXPERIENTE DE KARDEC E JESUS após muitos anos de vivência espírita; ao analisar toda suA ARVORE DA VIDA com muita ATENÇÃO, refletiu sobre sua existência e sobre as expiações que vem passando e disse para si própria: EIS-ME AQUI como instrumento do teu trabalho, usa-me Cristo!! Como se o seu coração respondesse, imediatamente ela ouviu: Então LEVANTA-TE E ANDA!
.
Está retornando para o plano espiritual, um dos baluartes da Doutrina Espirita em Picos-Pi, que foi não só um refencial para quem conhece o Espiritismo mas também um espírito em evolução que deixou sua marca de amor e carinho por onde passou.
Não me recordo data, dia, ano ou local específico em que tive o privilégio de reencontrar com um espírito, provavelmente de muitas existências anteriores, que veio novamente a esse plano sobre a indumentária carnal de Nilza Azevedo Pereira.
Médium, escritora,professora,espírita,mãe,irmã entre tantas outras qualidades, o amor pelo ideal espírita, fez com que ela se entregasse de corpo e espírito a essa causa abdicando muitas vezes da própria família para exercer o seu mandato de amor a doutrina.
Aproximadamente há dois anos atrás ela descobriu que estava com ncer de fígado, e passou a lutar contra essa doença que consome o corpo muito rapidamente.Fez cirurgia para retirada do mesmo, e após mais ou menos um ano durante os exames de rotina; para triste surpresa de todos ele havia retornado mais forte se expandindo para outros órgãos. Não foi possível um segunda cirurgia em Dezembro/2008 restando apenas tratamento de quimioterapia. Mesmo tendo um grande medo da morte, resignou-se a esta expiação e passou a lutar pela vida com grande garra sem nunca perder a esperança e apoio dos entes queridos. Hoje ela se encontra em COMA, com alguns orgãos já sem funcionamento e respiração precaria, um quadro um quadro irrerversível onde se aguarda apenas os minutos finais.
Nilza Azevedo Pereira, nasceu no Estado do Paraná, em 24 de Junho de 1960. Ainda criança , transferiu-se para Fortaleza-CE, onde casou-se aos 20 anos com Carlos Helênio Alves Pereira. Por razões de trabalho, o casal fixou residência em Teresina-PI, onde a autora formou-se em filosofia, pela Universidade Federal do Piauí. O casal tem três filhos: Bruno,Fábio e Diego. Retornando os fenómenos mediúnicos que convivia quando criança e que foi suspenso naturalmente na adolescência, já formada e com raciocínio lógico, procurou respostas ao que lhe oco
rria. Foi quando conheceu a Federação Espírita Piauiense, um encontro Feliz entre a autora e a FEPI, descobrindo remédio para seus males e perturbação.
Com o mundo novo que se descortinou a sua frente, veio também a grande responsabilidade ao penetrar cada vez mais neste universo, divulgar esta realidade e buscar contribuir para despertar alegria, que perderam a fé e a esperança ao longo do caminho.
No seu primeiro livro PINGOS DO CORAÇÃO, é um livro de poemas sobre o amor e imortalidade do ser;
O segundo livro, EXPERIÊNCIAS DE UMA APRENDIZ INEXPERIENTE E KARDEC E JESUS, traz o seu despertar para a doutrina Espírita, narrando os seus medos, receios, alegrias bem como algumas experiências pelas quais passou a penetrar nesse mundo novo;

Leia mais

TOLERÂNCIA , AMOR E FAMILIA.




Quando menos esperamos, quando achamos que tudo vai bem, que transcorre tudo perfeitamente; eis que somos rapidamente surpreendidos pela desarmonia, pela impaciência em nosso reduto familiar, nos forçando a praticar a caridade para com o próximo e para conosco. Pois como disse Paulo em Coríntios XIII, "Se não tiver amor nada serei..."
A vida a dois é bem difícil; pois a convivência familiar é um grande compromisso gerador de infinitas responsabilidades que se entrelaçam entre todos relacionado naquele grupo familiar, desde o simples jardineiro,cozinheiro,vigia,etc. até os filhos,tios,irmãos,sogros, etc. unindo todos de forma surpreendente que nem suspeitamos. Ou seja; quando contraímos matrimônio ou simplesmente nos unimos no mesmo lar por afinidades afetivas, devemos aceitar que não estamos levando apenas um individuo, mas toda uma família já formada com virtudes e defeitos que teremos que aprender a conviver, e às vezes ser paciente e tolerante diante dos obstáculos que se formarão no decorrer do dia a dia.
A vida é cheia de surpresas boas e ruins, promovendo encontros e desencontros, afetos e desafetos, contrariando os nossos desejos que muitas vezes são movidos por caprichos da vaidade.
Não devemos idealizar uma vida de contos de fadas que só existe em livros infantis, mas nos adequarmos a realidade de cada um. Devemos tentar compreender, que da mesma forma que temos livre arbítrio, opinião própria, gostos variados; o nosso próximo também tem. Da mesma forma que me irrito, que levanto de mau humor, que não gosto de tal comida ou programa de tv; o meu próximo também é passivo dessas mesmas falhas.
Mas por que estou resmungando? Afinal de contas foi eu que escolhi! Procurei tanto por essa alma gêmea, ou será que na verdade são ALGEMAS? Eu optei por esse amor, e dependendo de onde selei esse pacto vai ser até que a morte os separe.
Por isso Tenho que aprender a ser tolerante por mais difícil que seja, tenho que aprender a ser paciente por mais que me custe o ego, a vaidade, o orgulho, que são na verdade as mazelas responsáveis por grande parte dos fins de relacionamentos.
Não devo me preocupar se o meu próximo me entende, mas até que ponto estou disposto a manter essa convivência familiar, pois aqui na Terra ninguém argumentou que seria fácil conviver em família, ninguém argumentou que seria simples educar e formar individuo de boa índole em mundo repleto de perigos originados da própria natureza humana.
Todavia, sempre estaremos envolvidos de alguma forma direta ou indiretamente com esses personagens, de uma historia que não se iniciou agora mas que já vem se desenrolando em capítulos de uma existência para outra; sendo que a reencarnação nos possibilita hora vir como mocinho, hora como vilão; nos dando a oportunidade do reencontro e reajuste de nossas infinitas vivências.
E se para o bem estar da minha convivência familiar eu tenho que ser tolerante e paciente; assim o serei.
Se alguém tem que ceder, que seja eu! Pois já tenho o conhecimento necessário que o outro não dispõe;
Porém resignar-me-ei , mas sem nunca perder o amor próprio e o respeito, para que não me desvie dos princípios éticos e morais, e dos ensinamentos deixados pelo mestre JESUS.
E como eu disse no inicio "Se não tiver amor nada serei..." pois não há mérito algum amar na acepção do termo apenas quem nos ama.




Moura Fé



Leia mais

E QUANDO CHEGAR A HORA?



Vivemos em constante euforia nos nossos dias cheios de tribulações, sendo que temos sempre algo há mais para fazer em nosso próprio beneficio e deixamos muitas vezes em último plano o fator essencial de nossa existência, que é o nosso espírito. Agimos muitas vezes mecanicamente sem se preocupar com o dia seguinte, procrastinando responsabilidades como se o tempo estivesse sempre ao nosso favor.


E quando chega a hora de trabalhar , saímos as pressas sem muitas vezes nos preocupar com o que vai ficando para trás,


E quando chega a hora de ir para a balada como muitos dizem, nos preocupamos apenas com a roupa que vamos usar ou se o dinheiro que temos é suficiente para gastar,


E quando chega a hora de dormir, nem ao menos nos lembramos de agradece a Deus pelo dia que tivemos;


E quando chega a hora de ser maledicente, não passamos pelo crivo das três peneiras para avaliar a situação, simplesmente criticamos;


E quando chega a hora de ser impaciente e injusto, não lembramos que poderíamos estar em situações opostas;


E quando chega a hora de perdoar, achamos que nós é que somos as vítimas e muitas vezes dizemos: Eu perdôo, mas esquecer; nunca!


E quando chega a hora das dores; achamos que Deus é injusto se não nos atende imediatamente como se fossemos os únicos merecedores de seu auxílio; esquecendo que a paciência e a resignação é o antídodo necessário para as nossas feridas físicas e espirituais;


E QUANDO CHEGAR A HORA? A hora do desencarne, a hora de partir, a hora do desenlace fluídico, em que todos os liames se desprendem do seu corpo e seu fluído vital se esvai rápido ou lentamente, dependendo de como se encontra o seu invólucro carnal.


O que espera encontrar do outro lado? Não sabe? Pois mais uma razão para rever seus conceitos éticos e morais, para avaliar sua vida com o desejo imenso de viver longos anos, mas com a certeza de que podemos desencarnar a qualquer minuto. Não temos que ser perfeito ou donos da verdade; mas é imprescindível que tenhamos feito algo de bom; que tenhamos amado, que tenhamos perdoado, que não tenhamos contraídos desafetos; que tenhamos praticados a caridade e o amor de forma pura e com desinteresse.


A morte chega para todos independente de raça, credo,sexo ou posição social. Partiremos algum dia e precisamos levar uma bagagem grande de boas ações e virtudes para sermos merecedores do perdão divino.


Então comece já! Perdão e Amor, Caridade e Amor, Arrependimento e amor, Paciência e Amor ! Pois Deus é Amor !!!


Moura Fé




Leia mais

VOTE AQUI

Doutrina Espírita para Principiantes

Loading...
Loading...

Postagens Populares

Isto não é Espiritismo - Frases, Fotos e Luzes

Minha lista de blogs

POST POR ASSUNTOS

a (1) ABORTO (9) ADULTÉRIO (1) ALCOOLISMO (1) Allan Kardec (11) ALMA (2) ANENCEFALIA (5) ANIMAIS (4) ANIMISMO (5) ANJOS (2) ANOREXIA (1) ANSIEDADE (1) APARIÇÕES (4) Artigo (524) AS DORES DA ALMA (12) AS DORES DA ALMA;ORGULHO (1) ÁUDIO E VIDEO (2) BIOGRAFIA (12) BULLYING (2) CALUNIA (4) CÂNCER (1) CARÊNCIA (1) CARIDADE (14) CARNAVAL (4) CASAMENTO (6) CASOS (5) CATARINA DE SIENA (1) CENTRO ESPIRITA (3) CHACRA (1) CHICO XAVIER (243) CIRURGIAS ESPIRITUAIS (6) CIUMES (2) CLONAGEM (1) CONVIVER E MELHORAR (7) CREMAÇÃO (1) CRIANÇA INDIGOS (8) CRIANÇAS (8) CULPA (1) DEPRESSÃO (16) DIALOGO COM AS SOMBRAS (28) DIVALDO FRANCO (145) DIVORCIO (2) DOAÇÃO DE ORGÃOS (1) DOENÇAS (8) DORA INCONTRI (12) DOWNLOAD (5) DUENDES (1) EMMANUEL (67) ENTREVISTA (25) EQM (4) ESPIRITISMO (5) ESPIRITO (26) EUTANÁSIA (4) EVENTO (121) EXILADOS DE CAPELA (2) FAMILIA (26) FANATISMO (3) (2) FEIRA DO LIVRO ESPIRITA (11) FELICIDADE (5) FILHO ADOTIVO (6) FILHOS (22) FILME (36) FINADOS (4) FLUIDO (2) FOTOS (17) GUERRA (2) HOMOSSEXUALIDADE (20) HUMOR (4) INVEJA (2) Joana de Ângelis (100) JORGE HESSEN (24) JORGE HESSEN art (3) LIVRE ARBITRIO (4) LIVRO (57) LIVRO DOS ESPIRITOS (2) LUTO (2) MÃE (3) MÁGOA (5) MALEDICÊNCIA (2) MARILYN MONROE (1) MEDIUM (67) MEDIUNIDADE (83) MELANCOLIA (1) MELINDRE (4) MENSAGEM (375) MESA GIRANTE (2) MÔNICA DE CASTRO (8) MORTE (60) MOURA FÉ (63) MUSICA (6) NILZA AZEVEDO (10) NOTICIAS (236) OBSESSÂO (20) ORGULHO (3) PASCOA (2) PÁSCOA (3) PASSE (9) PEDOFILIA (2) PERDÃO (15) PERISPIRITO (6) PERSONAGEM DA BOA NOVA (6) PINTURA MEDIUNICA (4) POESIA (10) PRECONCEITO (22) PROVAS (13) PSICOGRAFIA (4) QUALIDADE NA PRATICA MEDIUNICA (10) RECOMEÇAR (2) REENCARNAÇÃO (37) REFLEXÃO (104) RELACIONAMENTO (35) RELIGIÃO (1) RENOVANDO ATITUDES (31) S (1) SEMESPI (17) SEXO (14) Síndrome de Down (1) Síndrome do Pânico (1) SOLIDÃO (2) SONAMBULISMO (4) SUICIDIO (11) TATUAGEM (1) TOLERANCIA (3) TÓXICOS (5) TRAGÉDIA (5) TRANSTORNO BIPOLAR (1) TRISTEZA (1) VAIDADE (2) VAMPIRISMO (5) VIAGEM ASTRAL / DESDOBRAMENTO (1) VIDEO (28) VINHA DE LUZ (3) VIOLENCIA (2) ZIBIA GASPARETTO (7)

Visitas Recentes